Exames

EXAMES E PROCEDIMENTOS OFTALMOLÓGICOS

Para um melhor diagnóstico, o HOF conta com as mais avançadas tecnologias em seus equipamentos, realizando os diversos exames e procedimentos oftalmológicos, afinal, um diagnóstico preciso garante os melhores resultados e a segurança na escolha do procedimento cirúrgico mais adequado para cada caso e/ou um tratamento seguro.

Veja abaixo os exames e procedimento realizados no HOF:

» Angiografia Fluoresceínica

É um exame  no qual são realizadas fotografias da retina. Aplica-se um contraste (fluoresceína sódica) através de uma injeção em uma veia do braço, antebraço ou mão.

Para a realização do exame, é importante obedecer as seguintes orientações:

– Chegar com 30 minutos de antecedência para a dilatação pupilar.

- Vir acompanhado (pessoa maior de 18 anos de idade);

- Trazer óculos de sol para conforto;

- Se tiver histórico de alergias, comunicar o médico solicitante;

- Fazer jejum de somente 2 horas antes do exame, inclusive de água, exceto para uso de medicação;

- Trazer nomes dos medicamento utilizados;

- Ingerir bastante líquido após o procedimento.

Obs.: Após o exame a urina ficará com coloração alterada e a pele do corpo pode ficar amarelada, voltando ao normal em aproximadamente 24 horas.

» Auto-refração / Refração computadorizada

» Avaliação de Motilidade Extrínseca Ocular

Exame realizado em consultório para verificar o alinhamento ou desvio ocular em todas as posições do olhar, como também das alterações da musculatura extrínseca dos olhos (músculos dos olhos responsáveis pelos movimentos oculares).

» Biometria Ultrassônica

A biometria ocular é a medida do comprimento do olho. Outra medida importante da biometria é a da câmara anterior.

É especialmente importante para a medida da lente intraocular a ser implantada na cirurgia de catarata, e para isso, precisa de um dado adicional: a curvatura corneana – ceratometria.

» Campimetria Computadorizada

Avaliação, com alta precisão, de falhas no campo de visão central e periférico do paciente, detectando áreas sem visão (escotomas) que podem ser ocasionadas por diversas patologias.

Indicações: glaucoma, doenças da retina e doenças neurológicas.

» Ceratoscopia / Topografia Corneana

É um estudo topográfico da superfície anterior do olho que permite o estudo de distorções da córnea.

A imagem capturada é convertida em um mapa topográfico colorido e, através dele, é possível fazer uma análise qualitativa e quantitativa do astigmatismo corneano (quanto à regularidade e simetria) e de possíveis irregularidades (ceratocone e cicatrizes corneanas).

Indicações: ceratocone; cirurgias refrativas; adaptação de lente de contato; avaliação de irregularidades e cicatrizes corneanas; etc.

» Cicloplegia

» Capsulotomia com Yag-laser

Exame realizado a laser que elimina a opacidade da lente intraocular que é implantada na cápsula posterior do olho na cirurgia de catarata. Este procedimento pode ser realizado meses ou até anos após a cirurgia.

Dilata-se a pupila.

» Curva Tensional Diária

O exame de curva tensional diária é realizado para o estudo do comportamento da pressão ocular durante o dia. Este procedimento necessita de um período prolongado de disponibilidade do paciente, pois verifica a pressão ocular diversas vezes ao longo do dia.

» Fotocoagulação a laser

É o tratamento de doenças da retina com raios laser permitindo controlar as doenças na grande maioria dos casos, evitando que a pessoa evolua para uma perda visual grave.

Indicações: deslocamento de retina, retinopatia diabética, degeneração macular relacionada à idade, etc.

Dilata-se a pupila.

» Gonioscopia

Exame que faz o diagnóstico e o acompanhamento de algumas enfermidades oculares, principalmente o glaucoma.

» Iridotomia com Yag-laser

Exame a laser utilizado para o tratamento do glaucoma e uveítes.

» Mapeamento de Retina

O mapeamento da retina é um exame complementar (não faz parte da consulta normal) em que todo o fundo do olho e suas estruturas são avaliados pelo médico oftalmologista.

Dilata-se a pupila.

» Microscopia Especular da Córnea

Avaliação das células do endotélio corneano (camada unicelular da córnea), levando em consideração quantidade e formato das células.

Indicações: pré-operatórios; usuários de lente de contato; suspeita de degenerações e distrofias corneanas.

» Orbscan llz

É um exame que fornece um mapa tridimensional da córnea, avaliando a córnea em todos os seus aspectos: curvatura anterior e posterior, e espessura.

Indicações: acompanhamento de ceratocone; pelúcida; pós-transplante de córnea; pré e pós-cirurgia refrativa; pré-cirurgia de catarata; adaptação de lentes de contato.

» OCT 3D (Tomografia de Coerência Óptica)

Rápido e não invasivo, o OCT é um dos exames complementares mais recentes utilizado no diagnóstico das doenças da retina e vítreo.

Consiste na obtenção de cortes transversais da retina e interface vitreorretiniana, possibilitando visualização das camadas da retina com uma resolução muito alta.

É especialmente solicitado em casos de tratamento com aplicação de quimioterápicos intra-oculares para acompanhar a eficácia dos tratamentos (principalmente em retinopatias diabéticas, oclusão de vasos da retina e degeneração macular relacionada à idade)

É um procedimento fundamental no diagnóstico, evolução e e no controle pós-operatório de múltiplas doenças retinianas, especialmente as que afetam a região da mácula.

Outra aplicação importante é em glaucoma, com a medição da espessura da camada de fibras nervosas da retina (RNFL), na região que envolve o disco óptico.

Orientações importante:

- Chegar com 30 minutos de antecedência para a dilatação pupilar;

- Recomenda-se não dirigir após o exame (devido dilatação das pupilas);

- Trazer óculos de sol para conforto;

- Alguns planos de saúde exigem autorização prévia do procedimento e  autorizam o exame somente se estiver enquadrado nas diretrizes da ANS.

» Paquimetria Ultrassônica

Utiliza um feixe focalizado de ultrassom para medir a espessura da córnea. Indicações: edema; ceratocone; degeneração marginal pelúcida; edemas; pós-traumatismo; pré-operatórios de cirurgia refrativa.

» PAM (Potencial de Acuidade Visual)

Exame simples similar ao exame de acuidade visual que serve para avaliar a visão retiniana, excluindo possíveis baixas de acuidade visual devido opacidades e irregularidades de meios.

Muito útil em pacientes candidatos à cirurgia de catarata (para estimar como ficará a visão após a cirurgia).

» Retinografia Digital/ Red free ou Aneritra

É um exame rápido e indolor em que são feitas documentações fotográficas, em alta resolução, do fundo do olho.

Realizado com uma câmera digital especializada, é indicado para controlar progressões das patologias de disco óptico e retina, como alta miopia, diabetes mellitus, cicatrizes retinianas, alterações maculares, glaucoma, hipertensão arterial, etc.

Orientações importante:

- Chegar com 30 minutos de antecedência para a dilatação pupilar;

- Recomenda-se não dirigir após o exame (devido dilatação das pupilas);

- Trazer óculos de sol para conforto;

» Teste de visão subnormal

Avaliação de auxílios ópticos e orientações para pacientes com deficiência visual.

» Teste de lente de contato

» Ultrassonografia A/B

Exame indolor e rápido no qual se utiliza uma sonda, que emite ondas sonoras, em contato através de um gel condutor com a pálpebra fechada do paciente.

É realizado por médicos especialistas em ultrassonografia ocular.

A ultrassonografia ocular tem sua principal aplicação na avaliação do polo posterior do olho, o que abrange, principalmente, a retina, coróide e o gel vítreo.

É um procedimento imprescindível em casos de cataratas e opacidades que impedem a visualização do fundo de olho através do mapeamento de retina, sendo importante para diagnóstico de descolamentos de retina, hemorragias e suspeita de tumores intraoculares.

Orientações Necessárias:

– Não necessita de preparo prévio do paciente;

– Não é necessária dilatação pupilar;

– Não suspender medicamentos e/ou colírios em uso;

– Pode ser realizado em crianças, bebês recém-nascidos sem contra-indicação;

– A duração aproximada é de 10 minutos;

– É importante colaboração do paciente com movimentação dos olhos nas direções solicitadas pelo médico no momento do exame.

.

» Pentacam

O Pentacam é um tomógrafo de coerência óptica,  tendo a função de fazer o mapeamento completo da córnea: curvatura, espessura e elevações, além de medir a profundidade da câmara anterior e diâmetro corneano e fornecer imagem tomográfica do segmento anterior.

Indicações: cirurgia refrativa, cirurgia de catarata, avaliação do cristalino, glaucoma, córnea, ceratocone, etc.

» Tonometria

A tonometria é um exame oftalmológico que verifica a pressão intraocular.

 

Orientações para realização dos exames e procedimentos oftalmológicos:
• Suspender uso de lentes de contatos por 48 horas antes dos exames;
• Não vir com maquiagem nos olhos;
• Nos exames que requerem dilatação da pupila, o paciente deverá vir acompanhado e trazer óculos de sol;
• Para a Campimetria Computadorizada deverá trazer a última receita de óculos.